Clitoroplastia (Diminuição de Clitóris)

Algumas mulheres têm o clitóris hipertrofiado, ou seja, maior que a média. A clitoroplastia a laser é uma cirurgia que diminui o tamanho desse membro.

O clitóris hipertrofiado pode ser congênito ou surgir no período da puberdade. Na maioria dos casos onde há ação congênita, o aumento do clitóris está diretamente associado ao aumento dos níveis de testosterona e progesterona. Por isso é tão frequente em mulheres que tomam esteroides e anabolizantes.

A hipertrofia pode até mesmo ser estimulada após a gestação e em mulheres com ovários policísticos.

Em decorrência disso, muitas mulheres se sentem verdadeiramente incomodadas. Apesar de ser uma área do corpo que amplia o prazer feminino, a mulher com um clitóris grande pode sentir dificuldades de excitação ou até ficar envergonhada pelo tamanho dessa região.

Não é difícil saber se você está com esse problema – a média do tamanho de um clitóris é 0,5 cm. Em casos de hipertrofia ele pode chegar a até 1,5 cm.

Antes da cirurgia

Durante o pré-operatório da cirurgia de diminuição de clitóris, é recomendado que a mulher não faça uso de substâncias como drogas, álcool e cigarro. Também não é indicado fazer exercícios físicos muito intensos e nem exagerar na alimentação.

É imprescindível que a mulher não esteja menstruada, então o ideal é fazer logo após o período menstrual acabar.

Caso haja necessidade, seguir as recomendações médicas e tomar os medicamentos prescritos anteriormente.

A cirurgia

A correção é feita com a máquina a laser MonalisaTouch e é uma cirurgia rápida – cerca de 40 minutos.

Depois da cirurgia

Como é uma cirurgia a laser, a clitoroplastia tem um pós-operatório mais simples que cirurgias com bisturi. Não tem necessidade de pontos, o que leva a uma recuperação mais rápida. Também não acontece a perda da sensibilidade no clitóris.

Durante os primeiros dias recomenda-se o uso de compressas frias na região, para evitar o inchaço. De qualquer forma, nas primeiras duas semanas é normal que apareça alguma roxidão e inchaço. Os primeiros resultados já ficam aparente depois de um mês.

Lembrando que cada corpo é único e o mais importante é seguir as recomendações médicas do seu caso individual.

Clitoropexia (exposição do clitóris)

A Clitoropexia a laser é a suspensão de clitóris, ou seja, é o termo usado para designar a ação que é capaz de fazer a exposição do clitóris e ou elevação do clitóris.

Essa cirurgia é indicada para mulheres que têm excesso de pele sobre o clitóris. Em consequência, elas têm menor sensação de prazer perante o estímulo sexual.

A cirurgia para exposição do clitóris serve de apoio, então, para mulheres que querem uma transformação positiva, seja por fim estético ou para ter uma vida sexual melhor e mais prazerosa.

Antes da cirurgia

Durante o pré-operatório é indicado que as mulheres não façam uso de substância como álcool, cigarro ou drogas. Elas podem interferir o bom procedimento da cirurgia e de recuperação.

É muito importante que a mulher não esteja menstruada e faça a limpeza da região íntima com os produtos indicados pelos médicos – normalmente sabonete neutro.

Também é imprescindível seguir a risca as recomendações médicas e não exagerar na alimentação e nem nos exercícios físicos no dia anterior.

A cirurgia

O processo de clitoropexia a laser é feita pelo método MonalisaTouch. É um processo rápido, feito sob anestesia local.

O clitóris é exposto devido à retração dos tecidos que o encobrem, eliminando a flacidez da área e o excesso de pele.

Depois da cirurgia

Como a elevação do clitóris a laser é uma cirurgia menos agressiva, o tempo de recuperação é tranquilo. Após três dias da clitoropexia a mulher já pode voltar a trabalhar e às suas atividades rotineiras. Somente as atividades físicas ficam suspensas por aproximadamente um mês.

A região da vagina pode ficar um pouco roxa e inchada, mas após 15 dias ela já começa a voltar ao normal. Após um mês é possível ver os resultados.

É importante lembrar que cada corpo reage de uma forma e a recuperação varia de mulher para mulher. Por isso sempre deve-se seguir as recomendações médicas.

Depois da recuperação, é notória a diferença na autoestima e na vida sexual das mulheres.

Agende sua Consulta

Artigos Relacionados

[Total: 0    Média: 0/5]